8 de janeiro de 2013

Opinião Erótica: "De Olhos Fechados" de Eve Berlin


Opinião da Mafi aqui.

Tal como qualquer livro erótico há sempre certos conteúdos que estão mais presentes do que outros. E na literatura erótica está claro que esse factor é o... sexo. Sexo este que está na moda como sendo algo mais... hum... doloroso! Aqui, ao contrário da personagem Anastacia de As Cinquentas Sombras de Grey, Dylan, cujo nome me faz sempre confusão porque ligo-o sempre a personagens masculinos, até gosta e pede mais.
Apesar de haver uns certos diálogos e pensamentos muito melodramáticos, achei este livro mais fácil de ler e melhor de entranhar.
O que menos gostei foi mesmo da tradução. Li com tradução brasileira e devo dizer que há muito vocabulário, como por exemplo "cacete" em vez de "porra", que estraga completamente a cena.
De resto, o sumo que se espreme de uma obra destas é satisfatório para quem se quer iniciar nestas leituras mais marotas. Não esperem uma obra-prima, ou um romance sentimental. Há, como começo a perceber que acontece em todos, um ego e uma autoestima muito diminuídas, tal como repetição de pensamentos.
O ponto alto aqui, e os parabéns ou vão para a tradutora ou para Eve Berlin (talvez mais a segunda), é mesmo o sentimento de atracção entre as personagens. Devo dizer que de uma ponta a outra, do inicio ao fim, senti bastante o sexappeal e a atracção sexual entre os dois personagens! Como todo o leitor e escritor sabe as emoções são o mais difícil de descrever e de fazer passar através do papel/ecrã e aqui esse factor está conseguido com nota 20.

Alec Walker é um escritor de thrillers psicológicos sombrios - e um homem que vive para as suas emoções. Desde motos a skidiving, passando por nadar com tubarões, a sua busca incessante de prazer e excitação não tem fim. Essa busca estende-se também às suas relações pessoais, onde nenhuma regra limita os seus desejos. A única coisa que Alec teme é o amor - e permitir que outra pessoa o conheça realmente. Enquanto faz investigação para um livro sobre extremos sexuais, Dylan entrevista Alec - e anseia por saborear a tentação que ele lhe oferece. No entanto, Alec é um dominador famoso e ela recusa entregar-lhe o controlo. Lenta e sedutoramente, Alec mostra-lhe que ao entregar-se-lhe de forma incondicional e submeter-se a todos os seus desejos, ela poderá experimentar o derradeiro prazer. Porém, para poder ficar com a mulher que pela primeira vez o faz ajoelhar, será Alec capaz de correr o maior de todos os riscos e entregar o seu coração? Embalados por um misto de prazer e apreensão, o casal vê-se numa situação tentadora enquanto evita entregar-se ao sentimento que nasce entre eles.

Pleasure's Edge (Edge #1)



Título Original - Pleasure's Edge
Edição - 2012
ISBN - 9788581780351




Sem comentários:

Enviar um comentário

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!