13 de outubro de 2014

Ponto de Situação: "Duas Irmãs, um Duque" de Eloisa James



Estando quase a terminar já tenho um ponto de situação mais avançado e completo.
Quando lemos o título, isto para quem já leu o livro ou viu o filme, este faz-nos lembrar imediatamente a história de Philippa Gregory "Duas Irmãs e um Rei". Pois se a conhecem e ainda não leram o livro de Eloisa James, podem ter a certeza que não tem nada a ver. Quer dizer, temos sexo e traições, mas a relação entre as duas irmãs é exactamente o oposto.
Aqui temos as irmãs duquesificadas (expressão inventada pela autora/tradutora) que são supostamente o bucha e o estica, só que aqui o bucha afinal tem curvas sexys que vão cativar a atenção do nosso duque que no inicio era um homem sem reacção ou sentimentos, mas que no desenrolar da história afinal até tem sentimentos a mais!!
Esta e muitas outras são as contradições que vamos encontrando ao longo da história. Num momento as personagens são uma coisa, no outro já são outra, tal como a mãe do duque, por exemplo. Este é talvez o aspecto mais negativo da obra.
Outro aspecto que não gostei foi a "palha" colocada ao longo da história. Este livro, com menos uns capítulos e alguns momentos mais mortos ficaria excelente. Assim, tive que me enconrajar capitulo sim, capitulo não, a avançar.
A parte da relação sexual também não me agradou. Apesar de ter achado piada à tentativa entre Olivia e o seu noivo, já não achei tanta piada à seguinte com Olivia e o duque. Talvez porque, apesar do ambiente, não achei que tivesse sido muito romântico. Aliás, nestes últimos romances históricos que tenho lido as virgens têm comportamentos que nada têm a ver com alguém inexperiente neste campo, o que acaba por tirar alguma veracidade à cena.
A referência à história da ervilha também acabou por ser algo existente mas que não se reflecte minimamente na história de Eloisa James. Alguém me pode explicar onde encontramos os pontos em comum? Ou a inspiração? Será o facto de Olivia parecer pouco preparada para duquesa e depois afinal vai ser melhor que a irmã? Se é isto, então é uma desculpa muito fraca, porque a meu ver Olivia sabe tudo o que há para saber para se ser duquesa, apenas é do contra e quer mostrar exactamente o contrário.

Pronto, para ponto de situação este post já ficou grandito.
Não percam a opinião brevemente =P

2 comentários:

  1. Li um da Eloisa James, foi uma leitura assim-assim, dentro do género não me satisfaz muito :( concordo quando dizes que se perde um bocadinho e há muita palha... :( é pena.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por isso e que os leio muito separadamente, é porque assime squeço me dos pontos negativos e só me lemrbo dos positivos =P

      Eliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!

Hoje fazemos 5 aninhos!

Bem vindas e bem vindos a mais um aniversário aqui do nosso cantinho, mais doce da blogosfera. Pois é, hoje comemoramos mais um ano...