7 de agosto de 2013

Opinião Histórica: "Noites de Jasmim" de Julia Gregson



Ai que este não correu muito bem. Eu não tinha assim muita vontade de pegar-lhe mas quando comecei a ler até estava a gostar. O meu problema foi pará-lo para ler outros livros na maratona, vá-se lá saber porquê eu não queria ler este livro na maratona, enfim. Depois de ter lido "trocentos" livros depois fui pegar-lhe novamente e...ups, já nem me lembrava onde tinha ficado e teria de estar a reler grande parte. "Hmm pensei cá para mim, não me parece." E pronto tive de entregá-lo na biblioteca depois de tê-lo há um mês e meio cá em casa e nem me dignei a acabá-lo. Ou a ler o fim. Mas acredito que o Dom e a Saba tenham ficado juntos.

Esta opinião vai basear-se apenas nas 371 páginas que li, mas acho que o resto do livro espelha o que vou escrever.

Noites de JasmimPortanto o que posso dizer do livro...talvez o mesmo que disse sobre o livro anterior da autora - "A Leste do Sol". Plot interessante q.b., a autora dá-nos a conhecer uma cultura que a mim não me é familiar e que não costumo encontrar em outros livros mas depois acaba por perder-se por querer apresentar tantos enredos secundários ao mesmo tempo. Citando-me: "O livro,  peca por ser muito descrito com detalhes e cenas que são completamente desnecessárias à história que se apresenta."

Ao menos gostei dos temas introduzidos aqui, o universo da música e claro a história de espionagem. Fez-me lembrar bastante a história de uma personagem da série "Pan Am" que era hospedeira de bordo mas uma espia ao mesmo tempo. Aqui acontece o mesmo e deu um toque emocionante ao livro (nas partes que não eram secante) Também gostei mais dos locais onde a acção se passou, o Egipto é um dos meus países favoritos e acho que a autora retratou bem a vivência e a sua cultura. 

Quanto ao romance foi bastante subtil na minha opinião, romântico mas não foi muito explícito mesmo nas cenas normais do romance. Quanto às personagens só me vem à memória umas cinco ou seis mas o livro introduz muitas mais. As mais importantes, Saba e Dom estavam bem caracterizadas. Ficamos a conhecer os seus sonhos, as suas inseguranças e um pouco da história do seu passado e o que o motivou a ser como são no livro. 

Comparativamente ao outro livro, apesar de não ter acabado este, gostei muito mais de "Noites de Jasmim" do que "A Leste do Sol" e por isso leva 4 estrelas. Duvido é que leia mais alguma coisa da autora. 



Jasmine NightsTítulo Original: Jasmine NightsEdição: Julho 2012
IBSN: 9789892319643


3 comentários:

  1. Ohhh agora sinto-me culpada por ter escolhido, mas como o tinhas nas lista de a "ne empresta" pronto.

    Pensava que eles estavam interligados, o A Leste do Sol e este, mas pelos visto não estão. Right?

    De qualquer forma tenho-os cá aos dois e agora estou indecisa se lhes pego se os venda sem ler. Mas como normalmente não estamos de acordo acho que vou tentar eheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não te sintas, eu queria lê-lo, só não contava era que fosse já x)

      Nop, pelo menos não vi nada que desse a sensação disso O.o

      Hmm sinceramente não sei se vais gostar... mas olha tenta!

      Eliminar
  2. Está na minha lista!
    Boas leituras! :)

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!

Hoje fazemos 5 aninhos!

Bem vindas e bem vindos a mais um aniversário aqui do nosso cantinho, mais doce da blogosfera. Pois é, hoje comemoramos mais um ano...