16 de julho de 2013

Opinião Sobrenatural: "Hex Hall" de Rachel Hawkins


Como eu adoro livros de bruxas e feitiçaria, torna-se óbvio que Hex Hall é do meu agrado.
E agrado é dizer pouco, porque Rachel Hawkins não se dignou a misturar jovens raparigas e alguns feitiços. Não! A autora juntou adolescentes, adultos, bruxas, feiticeiros, humanos, demónios, vampiros, fadas, mutáveis (ou mutantes) e até fantasmas... tudo numa ilha, a ilha Greymalkin.
Na minha opinião os feitiços foram o ponto mais fraco da história toda, pois foram todos bastante simples e de pouca grandeza. Mas, é importante salientar que este livro não pode ser comparado com os livros de J.K. Rowling, porque não tem nada a ver.
Primeiro, Hex Hall, ou mais precisamente Hecate Hall, é um reformatório e não uma escola.
Segundo, te todo um leque de personagens que já enumerei anteriormente.
Terceiro, a personagem principal é feminina.
E quarto, as únicas personagens mais parecidas são a Sra. Anastacia Casnoff, a directora, que nos faz lembrar a professora Minerva McGonagall, e o curador Cal, que é tipo o Hagrid mas mais poderoso, mais giro e muito mais novo.
O livro não é muito grande, mas acho que até está bastante completo, com um principio, um meio e um fim nem muito definitivo nem muito misterioso, já para não falar nas referências literárias, como Jane Austen, ou nas históricas, como as bruxas de Salem.
O romance também está presente, mas felizmente Rachel construiu uma personagem masculina com muitos defeitos e pouco perfeita. Além disso, este romance além de estar numa quantidade razoável, vai acabar por apimentar a história e a sua continuação. Vai assim tornar tudo mais perigoso e cheio de suspense e incertezas, fazendo-nos desejar ter o Vidro Demónio à mão.
Os vilões, tal como as espécies, também são muito variados, o que vai com certeza dar muito que falar. Neste grupo posso inserir a Anna, Elodie e Chander, mas todas, e foi com grande espanto que me apercebi, vão acabar por ter um papel apenas importante neste livro, e mais não posso dizer!

Um bilhete só de ida para um colégio interno perdido nos pântanos do Louisiana era talvez a última coisa que Sophie Mercer esperava receber pelos seus dezasseis anos. Mas Sophie não é uma adolescente igual às outras. Sophie é uma feiticeira e, tal como os outros prodigium, feiticeiros, fadas, lobisomens e vampiros, Sophie não pode frequentar uma escola normal. O que Sophie esperava ainda menos era ser companheira de quarto de Jenna, a única vampira da escola, e ver-se enredada numa trama para descobrir quem anda a assassinar os alunos da escola ao mesmo tempo que tem que lidar com os seus novos poderes, a descoberta da importância do seu Pai na hierarquia dos feiticeiros e a sua paixão pelo namorado da sua mais recente inimiga.

Edição - Outubro 2010
ISBN - 9789895577590

2 comentários:

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!