1 de março de 2013

Opinião Contemporânea: "O Diário de Carrie" de Candace Bushnell


Em O Diário de Carrie, Candace Bushnell tem como objectivo contar a adolescência de Carrie Bradshaw.

Posso afirmar que com escrita fluida e linguagem infantil, com expressões de adolescente como "montes", a escritora conseguiu transmitir a evolução de uma jovem com a paixão e força de vontade de se tornar escritora. Passando por paixões, amizades estranhas e duvidosas, e outras mais óbvias, Carrie vai ultrapassando obstáculos que a colocam à prova.

Várias passagens ao longo do livro me fizeram voltar ao meu próprio passado, revivendo muitas das emoções que a escritora transmite tão bem. Sentimos raiva, frustração, alegria e suspiramos pelo sedutor Sebastian.

As descrições estão simples, os diálogos são dinâmicos, mas na minha opinião a escritora falhou na transmissão da imagem da personagem, i.e., ao ler o livro nem uma vez imaginei a "Carrie-jovem" como a "Carrie-adulta". Sempre pensei nesta última como uma diva da moda, com gostos um pouco excêntricos e como uma amiga verdadeira. Na Carrie deste livro apenas vi uma rapariga com os seus dramas, que por vezes usa uns sapatos de marca e uma mala da mãe, que só tem em comum a vocação para a escrita.

De resto, o livro lê-se bastante bem, mas muita gente não gostará do tipo de escrita.

Antes de Nova Iorque. Antes da coluna sobre sexo e amor mais lida da Big Apple. Antes da entrada em cena de Samantha, Charlotte, Miranda e Mr. Big - sem esquecer os cup cakes e os cosmopolitans -, Carrie Bradshaw era uma rapariguinha de uma pequena cidade americana que desejava o melhor para si.
Carrie estava preparada para a vida «a sério», mas primeiro teria de terminar com êxito o secundário. Até aqui, ela e os seus amigos eram inseparáveis, mas, depois do sedutor Sebastian Kydd e da traição de uma amiga, Carrie começa a questionar tudo o que tinha vivido até aquele momento. Decide partir para Nova Iorque e é aí que uma nova vida vai começar...
O Diário de Carrie é a história de uma rapariga de liceu e dos seus amigos de sempre, da sua família e da descoberta de um talento para escrever de uma forma única sobre as relações entre amigos, família, rapazes e raparigas. Dos bancos de escola para a cidade de todos os sonhos e de todos os desejos, a saga da heroína de Sexo e a Cidade. Uma rapariga que sempre soube que um dia iria escrever um livro que mudaria o mundo. Uma personagem que se tornou um ícone de uma geração.

The Carrie Diaries (The Carrie Diaries, #1)



Título Original - The Carrie Diaries
Edição - Julho 2010
ISBN - 9789895555208




Sem comentários:

Enviar um comentário

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!