15 de fevereiro de 2013

Opinião Suspense: "Ritual de Amor" de Nora Roberts


O segundo volume da trilogia dos Irmãos de Sangue apresenta-nos o clique, um pouco lento mas pronto, entre o par Fox e Layla.
Apesar de Layla ter aquela personalidade que não me cativa minimamente, gostei de ver o esforço de Fox para  fazer ver o óbvio. Não gostei muito daqueles momentos mais dramáticos entre os dois tipo "Eu protejo-te, sou muito macho" "Não não, eu sei me defender muito bem sozinha. Vou amuar ali para o lado!".

De qualquer forma, gostei ou tive mais empatia com este do que com o primeiro. Adorei ver a continuação da relação do Cal com a sua amada, mas adorei ainda mais assistir ao começo da atracção entre Gage e Cybil. Estes dois vão prometer!

Em relação ao mau da fita... hum, sinceramente já me cansa um bocado. Parece que é tudo um pouco do mesmo, além disso torna esta trilogia demasiado contínua. Preferia que fossem histórias mais separadas, talvez para haverem mais surpresas e não ser tudo tão óbvio ou esperado.

De resto, Nora Roberts continua a ter aquele dom da descrição e dos diálogos. Só podemos comentar a história e os personagens, porque de resto não noto uma única falha.

Adoro o sentimento de amizade e de família, tal como do toque das flores e dos cozinhados, que ela gostam tanto, mas que contribuem tão bem para nos fazer sentir mais o ambiente, para o tornar muito mais confortável e bem-vindo.

E os finais felizes... nunca desiludem.

PS - devo sublinhar que só encontrei 1 errozito em todo o livro. Boa! 
Citação Preferida:

"- A ti, o que te assusta? - perguntou-lhe.
- As Finanças e as mulheres capazes de articular palavras como ofidiofobia." página 75

Sinopse no A Sair do Forno.

The Hollow (Sign of Seven, #2) 


Título Original - The Hollow
Edição - Fevereiro 2013
ISBN - 9789897100451




Sem comentários:

Enviar um comentário

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!