17 de dezembro de 2012

Opinião Contemporânea: "A Delicadeza" de David Foenkinos



O livro é muito simples, mas isso é o que o torna tão especial. 
A historia é muito básica, Nathalie e François são casados mas inesperadamente François morre. Viviam a relação perfeita e nada fazia prever que naquela manhã fatídica, François morreria atropelado. 
Viviam uma felicidade mútua que acaba abruptamente. François morre e é a partir daí que Foenkinos nos conta a história de Nathalie e do seu novo amor, Markus.

Pronto e é só isto, e ficam vocês a pensar, que história mais sem sal. Mas o livro não é só isto. É muito mais. Ficamos a conhecer um lado profundo de Nathalie que como é normal, mergulha numa depressão e numa dor sem fim. Perdida num mundo sem rumo, irá encontrar o seu caminho em Markus, um homem inseguro,tímido, que à primeira vista, não parece regular muito bem da cabeça. Ou seja, qualidades que ninguém quer no sexo oposto. Mas ao contrário de tudo, o destino irá juntar este casal e é com a ajuda de Markus que Nathalie finalmente consegue superar o luto por François. E é neste romance que conhecemos a delicadeza da vida.
Este livro foi uma surpresa enorme para mim. Decidi lê-lo porque tem pequenas páginas mas nunca imaginaria que ficaria acordada toda a noite para ler esta linda história de amor. Adorei e só posso aconselhar. Pode parecer um romance muito simples e sem grande história, mas é grande em significados. A narrativa  tem a particularidade de fazer várias referências a livros, filmes, peças de teatro que fazem todo o sentido para quem está a ler o livro. A escrita é sem grandes floreados mas é única, sensível, delicada fazendo jus ao título
!


Nathalie e François podiam ser personagens de um conto de fadas. Mas um dia o destino desfere um duro golpe, quando François é atropelado e morre pouco depois. Para Nathalie, a dor é insuportável e parece prolongar-se eternamente. Até que, num momento irrefletido, Nathalie surpreende Markus, um colega de trabalho, com um longo e intenso beijo…





Título Original - La Délicatesse
Edição - 2011
ISBN - 9789722345750





9 comentários:

  1. Que bonito, por aaso é um livro que gostava de ler, parece ser mesmo bonito :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olhem a minha opinião está uma caca porque tive a reescrevê-la mas é um livro lindo, acho que ias gostar. Também há o filme.

      Eliminar
    2. Oh não está nada trenga! lol normalmente quando gostas eu também gosto por isso um dia tenho de ler ^^

      Eliminar
  2. Parece demasiado depressivo mas mesmo assim até estou curiosa!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha Lia eu não achei nada depressivo pelo contrário, mostra a fragilidade da vida e como temos de a viver ao máximo. :D

      Eliminar
  3. Eu já li e adorei!! Não é nada depressivo! é lindoooooo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa!! Alguém que concorde comigo ehehe :)

      Viste o filme Sandra?

      Eliminar
  4. Eu até via o filme em vez de ler o livro, mas pelo que estive a ver acho que não... não vou com a cara daquela actriz --'

    ResponderEliminar
  5. Mais um para a wishlist :( Mafi, para de escrever opiniões!!!

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!